gold silver
mailing paying

Mailing livre
Português

home

Evolução dos preços do barril de petróleo desde um século.
Prijsontwikkeling van het vat aardolie sinds een eeuw.

E o primeiro de três artigos relativos ao preço do petróleo. Este tem por tema l’évolution dos preços do petróleo desde um século. O objectivo é mostrar graficamente as grandes etapas de l’évolution dos preços desde 1920.

I. O gráfico da produção de petróleo desde 100 anos.
O barril de produto bruto evolui desde 100 anos num intervalo de preços entre 1 $ e 40 dólares. O preço de l’or preto é muito importante para o conjunto da economia mundial. Por exemplo, a crise de l’OPEP de 1973 teve de enormes consequências para as economias dos países industrializados. Há dois grandes períodos de preços sobre o gráfico.

II. os períodos de equilíbrio do preço do petróleo.
O assunto n’est não d’expliquer aqui as razões das diferentes baixas e aumentos dos preços, mas de encontrar as grandes tendências destes preços.

- (A) de 1920 para 1970, o preço dos hidrocarbonetos permaneceu num canal que tem como tecto a zona dos 5 dólares o barril. Mas, em 1973 com a crise de l’OPEP (Organização dos Países exportadores de Petróleo), o preço de petróleo destino do seu antigo canal.

- (B) partir de 1970, o preço do barril evolui num intervalo de preços compreendido entre 10 dólares e 40 dólares, não retornará mais nunca em abaixo deste limiar. Crises pontuais empurram os preços jusqu’à 40 dólares e aumentos de curtos períodos de sobreprodução fazem descer os preços até na zona dos 10-15 dólares o barril.

- (C) Aujourd' hoje, o preço do barril passou o limiar muito importante dos 40 dólares o barril. A pergunta é saber se o petróleo sair definitivamente do seu antigo canal de preços?

O aumento dos preços actuais pode ser visto como uma crise pontual e momentâneo, o petróleo voltará no seu canal em abaixo de 40 dólares.
Outra solução, como nos anos 1970, um equilíbrio é quebrado e o mercado n’est mais sob controlo, o que provocará os preços do barril para uma nova zona de preços muito mais elevada. Pode-se também pensar que sobre fundo de PIC de produção, o preço fará apenas montar jusqu’à a última gota d’essence.
A resistência aujourd’hui tornou-se apoio, c’est para aquilo que a zona dos 40 dólares é muito importante, ele é necessário supervisionar muito cuidadosamente este sector de preços.

III. explicações para melhor compreender o petróleo.
-
O petróleo é hoje necessário todos os domínios da economia.
1. O petróleo é utilizado como fonte de energia mecânica. Serve de fonte de energia para os automóveis com a gasolina e o gasóleo, os aviões com o querosene. Permite também construir as estradas para os automóveis a partirem do alcatrão.
2. Uso térmico para o aquecimento das casas com o óleo combustível.
3. Os lubrificantes, o petróleo serve de óleo de lubrificação em l’industrie e os transportes.
4. As matérias químicas derivadas, graça craquage (cracking) que é um método de refinação. Pode-se assim alterar a composição do petróleo e obtem-se d’autres produzidos como o benzeno, tolueno, xylènes que permitem o fabrico dos plásticos, têxteis sintéticos, borrachas sintéticas, detergentes e intervêm no fabrico d’engrais complexos.

- O petróleo s’est imposto como principal fonte energética, e seus sob produtos é eles tão muito úteis à economia moderno, o que provoca um aumento constante do pedido com o aumento da população mundial. Mas, l’offre parece ter o mal a seguir este pedido desde alguns meses. O problema é saber se, c’est uma crise momentânea devida do hedge fund que aproveitam do desfasamento temporário entre oferta e pedido, ou se c’est uma crise estrutural mais profunda devida à uma PIC de produção em a extracção de petróleo que impede l’offre dos países produtores que sigam o pedido mundial. É d’ailleurs muito surpreendente para OPEP, que está lá para impedir a queda dos preços, se bater para fazer-o reduzir-se anunciando aumentos de produção mais em de mais importantes.

- Problemas de transporte e de refinação vêm complicar mais ainda ligeiramente o frágil equilíbrio dos preços. Os oleodutos não podem encaminhar o petróleo por toda a parte, os petroleiros parecem mais não ser suficientes ao transporte, as existências estratégicos são renovadas dificilmente e as refinarias giram à cheio rendimento. Mas não enganamos, estes problemas são importantes, mas podem ser resolvidos, o que n’est não o caso da PIC de produção dos óleos minerais.

- O verdadeiro problema é o dos recursos, até nos anos 1970,o homem descobre mais petróleo que ele consome. Mas, com o Hubbert peak que se produz hoje, em 25 anos para mais optimista, os preços deveria evoluir d’une maneira muito diferente. É mais em de mais difícil descobrir novos jazigos petroleiros e construir novos poços de petróleo. Os geologistas têm em mais mais mal a descobrir novos jazigos petroleiros então qu’en paralelo o pedido não cessa de crescer. Pode-se dizer: Terminado o período dos jazigos gigantes de Ghawar e de Abqaiq na Arábia Saudita, é terminado o tempo onde era suficiente plantar um tubo na areia de modo que o petróleo saltasse. Agora, mesmo l’exploitation off-shore tornou-se rentável. Esta situação é que d’autant mais complexa que primeiramente, o petróleo é difícil de armazenar e em segundo lugar os depósitos são limitados. É muito difícil armazenar petróleo hoje para aproveitar do aumento de amanhã, porque a produção está fluxos tensa e as possibilidades armazenamento são limitadas muito por relatório ao consumo.

O futuro do preço do petróleo parece-me ligado à proximidade da PIC de produção. Então, de acordo com a vossa opinião sobre este assunto, terá um ponto de vista diferente sobre a evolução dos preços do petróleo. Se n’y tem nenhum problema de produção, os preços deveriam voltar rapidamente no canal entre 15 e 40$. Se a PIC de produção está próxima, então os preços deveriam permanecer em parte externa deste canal em l’avenir. Os preços evoluirão d’un canal mais elevado ou bem em constante aumento? Aquilo dependerá da nossa capacidade de substituir o petróleo por outros fontes de energia. Atenção!!!! Isto é uma visão à longo prazo, PIC de aumento ou baixa à curto prazo continuam possíveis, aquilo não afecta em nada a evolução longo prazo. Desde o primeiro puit de petróleo d’Edwin Drake, o mundo consumiu quantidades enormes de petróleo que a natureza tivesse posto dezenas milhões d’années de fabricar. Está certo que a PIC de produção terá lugar. A pergunta é saber quando, ontem, aujourd’hui, ou 5 em,.10 ou 25 anos?

Dr Chaize Thomas

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

raw material
other
mailing free
dani2989 logo